Privacidade e a Internet

sábado, 13/03/2010 1:55 am  

Hoje em dia a questão que eu mais vejo sendo comentada e relembrada nas redes sociais é o tema, a privacidade de uma pessoa na internet, vamos relembrar a trajetória da internet até o dia de hoje, onde caímos nesse “problema” da privacidade…


  • A Internet

A internet surgiu inicialmente para ser, um meio de disponibilizar documentos estático, então fizeram a grande gambiarra, criaram o JavaScript para tornar o que foi criado para ser estático, para ser um pouco dinâmico, surge um pouco antes o sistema de links.

1 – O primeiro uso foi, algumas poucas empresas tinham suas páginas e todas as demais pessoas eram apenas leitores/visualizadores, exatamente como ocorria e ainda ocorre com os meios de comunicação : jornal impresso e a televisão.

2 – Torna-se uma plataforma para aplicações/sistemas, com isso, as pessoas que acessam a internet começam a interagir com as informações disponibilizadas na internet.

3 – Surge a Web 2.0, onde antes quem apenas acessava e via os dados disponibilizados por poucas empresas e veículos de comunicação, agora qualquer pessoa que acessa a internet pode gerar informação e publicar (Blogs).

4 – Redes sociais, “a verdadeira praga”. A premissa das redes sociais é disponibilizar as informações pessoais e interagir com outras pessoas.

5 – Hoje, temos o caos…


  • A privacidade na internet

Tendo em mente o histórico descrito anteriormente, desde o item 3, onde as pessoas começam a publicar informações temos o seguinte problema, ilustrado pelo antigo ditado popular:

Não diga nada que não queria que saibam

Contextualizando para a internet:

Não publique nada que não queria que saibam


  • A conclusão disso é

Conforme muitos já ouviram o ditado

Quem está na chuva é para se molhar

Quem está na internet de algum modo terá sua privacidade comprometida.

Se você participa de alguma rede social, suas informações pessoais estão lá disponíveis, para todos, ou como atualmente já se modernizaram, com regras de privacidade que indicam quem poderá ter acesso a informações pessoais sua. Mas se alguém tiver acesso, tenha em mente, mesmo que seja seu “amigo(a)”,  conhecido(a), sua privacidade já está potencialmente comprometida.

Vemos também que muitas pessoas são inocentes na internet, e publicam basicamente tudo a respeito de suas vidas, tornando suas vidas verdadeiros livros abertos a quem quiser ler.

Outro comportamento que compromete sua privacidade na internet, participação em redes de comunicação, micro-blogging, exemplo Twitter, WordPress, Blogger, entre outros; dependendo do que você publica nesses canais de comunicação é possível traçar e descobrir muitas informações de caráter, pessoal, comportamental, emocional e profissional.

Então tenha em mente, tudo o que você publicar (escrever, dizer[áudio], filmar[vídeo]) na internet será visto por alguém em algum momento, uma vez na internet a informação se espalha de forma quase impossível de eliminar a propagação dessa informação.

Analise e pense bem nas informações pessoais que você irá publicar/disponibilizar na internet em qualquer rede social, pois alguém com certeza irá ler. Uma vez que você entrou na internet e expos a sua vida você “vai se molhar”.


A melhor medida de privacidade 100% garantida na internet é:

– Não participe de redes sociais

– Não tenha um blog

– Não publique nada pessoal

Caso contrário você com certeza não terá 100% de privacidade na internet.


Fazendo uma analogia com um artista de televisão:

– até o momento antes de fazer / participar de algum programa/novela/etc, esta pessoa possui 100% de sua privacidade

– a partir do momento que seu rosto foi ao ar em algum programa/novela/etc, sua integridade de privacidade foi comprometida

O mesmo acontece na internet.


E você o que pensa a respeito do assunto?

, , , , ,

Este post foi escrito por:

- que escreveu 500 post(s).


Entre em contato